25/08/2015 Frederico Trajano, CGAE 1998. Diretor Executivo Magazine Luiza

O convidado da eletiva GVniano ensina GVniano foi o ex-aluno Frederico Trajano, CGAE 1998, um dos líderes da Magazine Luiza.

Fred, como é mais conhecido pelos colegas, apresentou aos GVnianos um pouco do que é a empresa longe dos holofotes, a rotina, o propósito, estratégias e a mensagem que querem passar ao público, já que é conhecida por trazer à classe média brasileira, o acesso a produtos que antes eram do alcance de poucos. - “Pessoas em 1º lugar, queremos que os nossos consumidores possam estar sempre conectados e abertos ao processo de digitalização”.

Contou que há pouco tempo teve a chance de rever alguns colegas de classe no Encontro de 20 anos da turma, relembrou das aulas, das festas, e dos professores que fizeram a diferença em sua formação. “Tenho muito carinho pela Escola, é muito bom poder voltar”.

Nascido em Franca, Fred é filho de Luiza Helena Trajano, uma das líderes mais respeitadas e admiradas no Brasil. É casado com a namorada dos tempos de faculdade, com quem teve três filhos, e conta que seus três melhores amigos são também da ‘época de GV’. “Conquistei a minha esposa e, então, começamos a namorar na formatura”. Ele ainda revelou que seus hobbies são correr, esquiar e viajar com a família.

Antes de ocupar a cadeira como Diretor Executivo de Marketing da empresa, o GVniano fez parte da Deutsche Bank Securities e da Westsphere Equity Investors, ambas na área de varejo.

Fred comentou que a Magazine Luiza é uma empresa tradicional, mas que isso nunca interferiu nas relações com seus familiares, que também são seus colegas de trabalho. Atualmente ele é responsável por mais de 15.000 pessoas e seu primeiro projeto começou na área de e-commerce. “É importante ter ética, integridade, uma missão a cumprir e ser um grande líder.”

“É legal quando temos um ambiente mais informal, projetos inovadores, oportunidades para crescer, produzir, empreender e fazer a diferença, tirar aquele clima quadrado do trabalho. Façam ciclos onde você possa deixar seu legado, tenham coragem para errar, e estômago para acertar”.